Gengivoplastia: conheça o procedimento que realça o sorriso

Ortodontista Catarina Riva explica tudo sobre tratamento para o sorriso gengival

Um sorriso bonito é formado pelo conjunto harmonioso do formato dos dentes e gengivas. Quando há um excesso de gengiva, conhecido como sorriso gengival, o tecido se sobrepõe excessivamente aos dentes, deixando a impressão de que eles são pequenos demais. Além do problema estético, o excesso de gengiva prejudica a saúde bucal, pois dificulta a higienização dos dentes, podendo ser lesionado pela escova, resultando em um acúmulo de placa bacteriana nos dentes, que pode evoluir para o tártaro, e até em inflamações e doenças na gengiva.

A gengivoplastia é um procedimento simples e rápido, que consiste na retirada do excesso da gengiva, deixando os dentes mais aparentes e corrigindo o sorriso gengival.

Sucesso nos consultórios odontológicos, famosos como Glória Pires e Ronaldinho Gaúcho já recorreram ao método para corrigir o sorriso. A ortodontista Catarina Riva explica que, qualquer pessoa pode ser submetida a este tipo de intervenção, desde que o paciente não apresente contraindicação específica.

“O problema compromete a harmonia do sorriso. Isso, apesar de não causar riscos à saúde, traz desconforto estético e, muitas vezes, prejuízos para o convívio social. Por isso, investir no tratamento é recuperar a confiança de sorrir”, explica Catarina.

A ortodontista ressalta que as causas desse problema podem estar relacionadas a fatores musculares, fatores esqueléticos e gengivais, como crescimento dos ossos maxilares e erupção passiva alterada (ERA). Além disso, o uso de aparelho ortodôntico, processos inflamatórios e o uso de alguns medicamentos também podem estar relacionados às causas.

Muitos pacientes relatam que deixam de sair e se divertir, por se sentirem desconfortáveis com a aparência de seu sorriso. A gengivoplastia pode ser o tratamento ideal para esses pacientes, caso não possuam inflamações locais, alterações sistêmicas de coagulação e se não forem um paciente imunodeprimido.

Após passar por avaliação de um especialista, o procedimento, quase sem dor ou desconforto, leva cerca de uma hora. O dentista aplica um anestésico no local e o excesso que recobre o início da coroa dos dentes é aparado, recontornado e selado usando um laser de tecidos moles. Por não usar pontos, o resultado pode ser visto de imediato e o tempo de recuperação é quase mínimo.

“Após o procedimento, muitos acreditam que os dentes ficam mais sensíveis, já que a raiz fica mais aparente, mas isso é um mito. Quando o cirurgião-dentista avalia o sorriso, ele faz um cálculo para saber quantos milímetros podem ser retirados para que todos os dentes fiquem iguais sem comprometer a sensibilidade dos dentes”, completa.

0 Comentários

Deixe uma resposta

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>