Vivências no sul capixaba viram rima na voz do rapper Derkkenner

Quando criança, Gabriel de Souza Mello Barbosa era considerado um menino arteiro. “Escutava várias vezes meus pais me chamarem assim por fazer bagunça”, lembra, aos risos. O capixaba natural de Alegre cresceu e buscou ressignificar o rótulo dado a ele na infância. Sob o nome artístico de Derkkenner, o jovem rapper acaba de lançar seu EP de estreia, “Arteiro”. E, nesta sexta-feira (25) divulgará, em seu canal do YouTube, uma faixa bônus, a canção que dá nome ao álbum.

“Agora, com um pouco mais de idade, continuo ‘arteiro’, só que na busca de fazer arte”, justifica. O projeto será lançado primeiro no YouTube, junto com o clipe do primeiro single, “Abertura”, que foi totalmente gravado em sua cidade natal. No dia 25 de setembro, o álbum estará disponível também nas plataformas Spotify e SoundCloud.

O EP é composto por cinco canções autorais, escritas num período de um ano, e as letras trazem suas experiências na cidade localizada no Sul do Espírito Santo. O som explorado é o rap, possibilitando o uso de várias batidas originadas do estilo musical, com destaque para o boom bap, plug, UK drill e drill.

“O contexto geral do álbum é trazer uma proposta diferente de termos, versos, beats, com uma pegada regional. Esse trabalho teve como uma das intenções, representar a nossa região 028 (sul capixaba). Nos versos tem o nosso dialeto e a vivência citada é a daqui”, salienta o artista.

Alegre e as memórias afetivas que o jovem tem em relação à sua cidade natal estão fortemente presentes no projeto. O EP foi produzido por Danyel Sueth, conhecido por sua atuação na banda Estado de Sítio e atual secretário de Turismo, Cultura e Esporte do município. Ele também participa da canção “Gavião”, música em homenagem ao avô do rapper, que é conhecido por este apelido. Já “Praga” é um termo utilizado na região para se referir a uma criança desobediente.

“Todas as faixas fazem referência à minha família e, principalmente, ao meu avô, a partir de tudo que ele me ensinou, me proporcionou e me contou que já viveu. Ele tem uma história que me motiva e me emociona, e realiza coisas comigo. ‘Arteiro’ vem para a pista como um marco inicial de uma caminhada para a equipe que realizou, por ser um trabalho feito de alma e coração em todas as etapas”, afirma.

Derkkenner estreou no mundo da música há 4 anos com a canção “Lovzada”. Seu primeiro contato no universo do rap foi com o boom bap, depois conheceu o trap e, no final de 2018, ele se aproximou do drill, um estilo de trap. “É um gênero com uma pegada mais underground, similar ao boom bap de rua e foi onde me encontrei no processo de amadurecimento enquanto artista”, revela.

As canções do artista alegrense, disponíveis nas principais plataformas digitais,  já somam mais de 30 mil execuções.

Serviço
EP “Arteiro”, do rapper Derkkenner
Ficha técnica
Beat: RevelGS, Stvnley, Casvti, BeFranky, Jbeats
Produção Executiva: WZ Produções e Thiago Emanuel 
Padrinho: Thiago Emanuel
Composição & Voz: Derkkenner
Produção Musical: Danyel Sueth (I9 Estúdio)
Direção de áudio: Tarcboy
Produção visual & artes: WZ produções
ArtDraw: Maria Penna
Apoio: Carlinhos Caparaó e Adriana Mello

0 Comentários

Deixe uma resposta

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>